Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Ácido Cítrico

textos dispersos de Pedro Santo Tirso

Ácido Cítrico

textos dispersos de Pedro Santo Tirso

Este amor

Março 25, 2020

This love

Craig Armstrong feat. Liz Fraser

 

 

Talvez se possa morrer muitas vezes, dizes

Em vez de se ir morrendo aos poucos, até 

à morte.

 

Cada vez que trocamos de amor, dizes,

Senão morremos, matamos um pouco.

E cada vez que __________________

atraiçoamos aquele velho princípio, em 

nome de uma necessidade urgente, 

morremos, certamente.

Dizes.

 

Tens razão. Este nosso amor mata-nos

a cada final de dia, pois, para nós,

já não há dias nem noites. Apenas 

um longo dia contínuo. Amamo-nos,

por isso, entre todas as mortes,

entre todas as traições, entre todas

as mudanças. Este amor não

significa nada. Este estranho amor

morre muitas vezes. E renasce,

estranhamente, sem porquê.

Como um longo dia contínuo.

 

 

Publicado originalmente na obra colectiva Mixtape, editora do Lado Esquerdo (2013)

 

60608_631392700238088_517062086_n.jpg

 

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D